Cure-se integralmente com a prática do ho’oponopono

A palavra ho’oponopono vem do havaiano e significa “corrigir um erro”, “tornar certo”.

O ho’oponopono é um dos mais efetivos métodos de autoperdão e autocura porque se baseia no amor expresso por nós mesmos por meio de palavras, que chegam ao subconsciente, local que abriga as memórias que impedem nossa vida de fluir naturalmente.

À medida que crescemos, vamos guardando memórias de dor, mágoas, traumas, decepções, frustrações, culpas e crenças limitantes. Esses sentimentos negativos vão se acumulando, a ponto de nos deixar amargos e críticos em relação aos outros e a nós mesmos. Terminamos por julgar negativamente os colegas, as situações e nossa própria vida e atitudes.

A prática do ho’oponopono nos liberta da necessidade constante de impor a nossa opinião, de tentar convencer alguém de que deve mudar, de querer modificar o comportamento dos outros. O ho’oponopono  limpa e transmuta as memórias do passado que constantemente penetram nossa mente, permitindo-nos soltar essas recordações dolorosas, que com o tempo causam desequilíbrios e doenças. Praticando o ho’oponopono nos tornamos pessoas mais amorosas e vibramos na frequência do amor incondicional. Além disso, assumimos a responsabilidade pelas memórias que compartilhamos com outras pessoas. Perdoando e curando a nós mesmos, somos capazes de conviver melhor com o mundo ao nosso redor.

A respeito do ho’oponopono, seu criador, o psicólogo Ihaleakala Hew Len, assim falou:

“Eu limpo para estar na presença de Deus. Uma vez lá, a Divindade me dará tudo que é perfeito e correto para mim. Eu só sei isso. Esta é a meta da minha vida. Se  eu tenho qualquer meta ou objetivo, é estar na presença de Deus”.

Como praticar o ho’oponopono

Para praticar o ho’oponopono, não é preciso fazer rituais nem entrar em estado de relaxamento, basta pronunciar as frases-chave a qualquer momento do dia, mesmo quando estiver desenvolvendo outra atividade. O importante é prestar atenção aos sentimentos, pois a limpeza age sobre o sentimento que está incomodando. Na maioria das vezes, o incômodo decorre de um julgamento, já que quase sempre estamos julgando com base na comparação de memórias que fazem parte do ego.

Podemos curar as memórias fazendo a oração completa ou repetindo as quatro frases-chave do ho’oponopono: “Sinto muito, me perdoe, sou grato(a), eu te amo”.

Oração original

“Divino criador, pai, mãe, filho, se eu, minha família, meus parentes e antepassados ofendemos tua família, parentes e antepassados em pensamentos, palavras, fatos ou ações, desde o inicio de nossa criação até o presente, nós pedimos teu perdão. Deixe que isto se limpe, purifique, libere e corte todas as memórias, bloqueios, energias e vibrações negativas. Transmute essas energias indesejáveis em pura luz. E assim é. Para limpar meu subconsciente de toda a carga emocional armazenada nele, digo uma e outra vez durante o dia as palavras-chave do ho’oponopono: eu sinto muito, me perdoe, sou grato(a), eu te amo. Declaro-me em paz com todas as pessoas da Terra e com quem tenho dívidas pendentes.”

Não é preciso dizer as frases 108 vezes

É isso mesmo. Não é preciso repetir as frases 108 vezes utilizando japamala, terço ou contas para mantras. O processo é simples. O uso de contas e japamala o torna lento e complicado.

Pratique a hora que mais lhe convier: antes de dormir, na fila de um banco, num engarrafamento ou a qualquer momento e em qualquer lugar.

Enquanto pratica, encha o coração de amor. Liberte-se das memórias negativas e limpe o coração.

Praticando o ho’oponopono no dia a dia, você se sentirá mais leve, amoroso e se acostumará a levar consigo pensamentos, palavras e sentimentos bons.

Ho’oponopono da identidade própria

Você nem precisa dizer as quatro frases se não quiser, basta dizer “Eu te amo” para si mesmo. E também não precisa ter fé. Simplesmente diga “Eu te amo” ao primeiro sinal de tristeza, desconforto ou julgamento consigo mesmo ou com alguém.

Você também pode dizer “Purifique, purifique, purifique” ao primeiro sinal de que algo está errado na sua vida.

O importante é ter a consciência de que somos responsáveis por tudo o que acontece na nossa vida, uma vez que atraímos tudo o que pensamos (emanamos).

Talvez você goste deste texto, que também fala sobre ho’oponopono.

Se este texto fez sentido para você, deixe um comentário e se inscreva para receber todas as atualizações deste blog.

Publicado por Sol Antônia

Sol escritora de romances, língua portuguesa e livros de autoajuda.

8 comentários em “Cure-se integralmente com a prática do ho’oponopono

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: