Como mudar sua vida com uma simples prática

“A Paz e a Liberdade começam comigo.” 

O livro Limite Zero, de Joe Vitale e Ihaleakala Hew Len, apresenta o sistema havaiano secreto para prosperidade, saúde, paz, amor e muito mais: o Ho’oponopono, uma forma simples que serve para removermos os obstáculos mentais que bloqueiam nosso caminho, deixando a mente livre para encontrarmos novas formas de conseguir o que desejamos. 

Ho’oponopono significa “reparar” ou “corrigir um erro”. De acordo com os antigos havaianos, o erro nasce de pensamentos contaminados por memórias dolorosas do passado. A prática do Ho’oponopono ajuda a liberar a energia desses pensamentos ou erros, que podem causar desequilíbrio e doença. 

O terapeuta Ihaleakala Hew Len atualizou este antigo sistema havaiano de cura, chamado Ho’oponopono da Identidade Própria. A Identidade Própria por meio do Ho’oponopono é sermos cem por cento responsáveis pelos problemas que nos incomodam no dia a dia. O Ho’oponopono da Identidade Própria, longe de ser algo místico, é algo transformador que podemos vivenciar na prática. 

A transformação pessoal é conquistada quando repetimos, nas mais diversas situações, as frases “Sinto muito”, “Me perdoe”, “Eu te amo” e “Obrigado”, as quais têm o poder de purificar ações e pensamentos negativos. É uma prática que precisa ser aplicada como filosofia de vida. 

O princípio de cura pelo Ho’oponopono baseia-se na ideia de que todos nós participamos de tudo o que acontece no Universo. Qualquer fenômeno ou acontecimento é reflexo de um eu interior, de pensamentos conscientes e inconscientes, e de nossas ações. A prática constante do Ho’oponopono ajuda a limpar o inconsciente, onde reside o bloqueio, dissolvendo os programas ocultos que nos impedem de alcançar nossos desejos, pois tudo acontece dentro de nós. 

“O ho’oponopono não encara os problemas como uma provação e sim como uma oportunidade. Os problemas são apenas memórias reencenadas do passado que se manifestam para nos conceder mais uma oportunidade de enxergar com os olhos do amor e agir a partir da inspiração.” 

Se você tem um problema com alguém, então não é com essa pessoa. Você está reagindo à memória que está aflorando. O seu problema é com essa memória, e não com a outra pessoa. Uma vez consciente disso, você poderá tornar qualquer situação mais elevada, bastando para isso repetir “Eu te amo”, “Sinto muito”, “Por favor, me perdoe” e “Obrigado”. Você não diz isso para as pessoas, diz para o Divino. A ideia é purificar a energia compartilhada. 

O objetivo da vida é retornar ao Amor. Para atender a esse propósito, nós precisamos reconhecer que somos completamente responsáveis por criar nossa vida do jeito que ela é e compreender que são os nossos pensamentos que criam a nossa vida da maneira como ela é. O problema não são as pessoas, os lugares e as situações, mas sim os pensamentos que temos a respeito deles. Nós precisamos aceitar a ideia de que não existe o “lá fora”. Se nós criamos nossa própria realidade, então nós criamos tudo o que vemos, até mesmo as partes de que não gostamos. 

Portanto, sempre que quiser melhorar qualquer coisa na sua vida, desde as finanças até os relacionamentos, você só precisa procurar em um único lugar: dentro de si mesmo. 

O livro, em síntese, nos mostra como retornar ao estado zero, no qual não existem pensamentos, palavras, ações, memórias, programas, convicções ou qualquer outra coisa, existe apenas o nada. A partir do nada, temos a inspiração divina para criar qualquer coisa. O zero é nossa morada com a Divindade, “de onde e de quem brotam todas as bênçãos: a riqueza, a saúde e a paz”. A preocupação com qualquer coisa é uma memória, a qual devemos amar, perdoar e agradecer por ela, purificando-a. Devemos parar de querer controlar tudo e entregar os pontos, deixando que a Divindade faça sua parte. Tudo o que temos a fazer é purificar, dizendo “Eu te amo”, “Sinto muito”, “Por favor, me perdoe” e “Obrigado”. O resto cabe à Divindade. 

“As frases que eu pronuncio são como as palavras mágicas que abrem o fecho do segredo do universo. Quando recito as frases, que emergem como um poema, estou me abrindo para que o Divino me purifique e apague todos os programas que me impedem de estar aqui agora” – diz doutor Hew Len. 

Quando agimos a partir do estado zero, no qual não existe limite, não precisamos de intenções; simplesmente recebemos a inspiração e agimos. E milagres acontecem. 

A simples frase “Eu te amo” contém três elementos que podem transformar qualquer coisa: a gratidão, a reverência e a transmutação. 

Você pode dizer “Eu te amo” enquanto trabalha, escreve, caminha, corre, conversa, lê e até enquanto ouve alguém se queixar da vida. Assim você se purifica constantemente. 

Em resumo, o método modernizado da Identidade Própria por meio do Ho’oponopono consiste em: 

1. Fazer uma limpeza contínua. 

2. Agir de acordo com as ideias e oportunidades que surgem no nosso caminho. 

3. Fazer uma limpeza contínua. 

Tudo começa e termina com uma frase mágica: “Eu te amo”. 

O livro Limite Zero tem reprodução gratuita. Se você quiser lê-lo, clique aqui para baixar o pdf.

Se este texto fez sentido para você, inscreva-se para receber todas as atualizações deste blog.

Publicado por Sol Antônia

Sol escritora de romances, língua portuguesa e livros de autoajuda.

6 comentários em “Como mudar sua vida com uma simples prática

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: